top of page

Produção Sob demanda x Estoque e em escala. Você sabe a diferença?

Atualizado: 25 de ago. de 2023

Por G1sele Caldas de Carvalho.

Na TA Studios, nós escolhemos a produção sob demanda, como modelo de produção para a fabricação dos nossos produtos. É mais consciente e saudável em vários pontos e para nós tanto serve para produzir ao consumidor final que é você, como para o multimarcas. Queremos compartilhar nossos estudos sobre esses assuntos, então vamos!



Produção de T-shirts
Produção sob demanda TA Studios

Houve um tempo em que tivemos a experiência do estoque e isso foi bem na época da Fridoka, uma marca anterior a TA Studios. Isso gerou outras estratégias de venda e marketing para diminuir os riscos de encalhe de um produto que não foi bem aceito e foram necessárias muitas liquidações para evitar estoque parado. Vale lembrar que até para um produto ruim e de baixa qualidade existem estratégias de vendas. Foi uma experiência que nos levou a questionar os processos e a ter mais consciência. Praticamente nos fez reiniciar e criar uma nova marca com um modelo de negócios sustentável, assim nasceu a TA Studios, onde o foco são produtos com durabilidade e alta qualidade, para quem consome.


Mas você sabe qual a diferença entre produção sob demanda e produção para estoque? Existem quatro tipos de produção no mercado.


Produção por projeto, encomenda ou pedido. (Nosso modelo)


Você só produz depois do pedido e do pagamento realizados, então começa a produção. Manter um estoque mínimo de matéria-prima para isso é importante e atualizá-lo quando houver necessidade, assim reduzimos muito o espaço e gastos financeiros. Nesse modelo existe a possibilidade de customizar o produto, o que torna único e afetuoso. A gente ama fazer isso, uma bainha na altura certa, uma cintura mais fina que o quadril, esse ajustes são viáveis. É possível você ir fazendo update da produção a cada estágio ao seu consumidor. Aceitar pedidos de multimarcas, também é sob demanda.


Produção para estoque


Esse tipo de produção é o mais conhecido e utilizado pela indústria e existe uma estratégia para economizar tempo e dinheiro, mas se a procura diminui, fica difícil parar a produção contínua e os estoques crescem. A produção pode ser própria ou externa e os produtos têm de serem idênticos ou com variantes mínimas como tamanhos e cores, sem alterar o processo operacional. Estoques cheios reduzem o valor do produto, por vezes tornam os produtos obsoletos e podem produzir descartes desnecessários, gerando prejuízo para todos os envolvidos, incluindo aqui o meio ambiente. Essa é a maior característica do fast fashion. Uma produção por estoque se baseia em dados sobre seu histórico de vendas e pesquisas de mercado. Mas esquecemos que somos uma massa humana com variantes do clima por exemplo. O investimento é todo colocado no estoque.


Produção por lote.


Neste modelo cabe um super engenheiro de produção. Os produtos criados são idênticos e fabricados em partes e unidos ao final. Por vezes o processo envolve lugares fora da fábrica e com diferentes funções que estão dentro da operação e depois são unidos na empresa responsável. A logística de envio e recebimento tem como desafio, o tempo. Qualquer atraso no processo irá influenciar os custos. A fabricação pode ser própria ou pode ser um modelo onde as marcas fazem desenvolvimentos e pedidos constantes para fabricantes externos e assim a manutenção de seus estoques. Na moda podemos falar de marcas que não possuem fábricas e apenas escritórios de criação. Elas são compradoras de produtos que têm um piloto aprovado pela criação, geralmente o departamento de estilo e precisam ser replicados, é o caso da calça jeans.

Uma marca X, desenha uma calça jeans, compra o tecido na maioria das vezes e envia para um fabricante. Há casos em que o fabricante arca com todos os custos do desenvolvimento, nesse caso ele recebeu um pedido o fazendo trabalhar sob demanda, para uma marca X que precisa fazer estoque. Esse fabricante faz o molde e o corte, prepara a montagem e em seguida recebe a ordem da marca X, de encaminhar para uma lavanderia que irá fazer os beneficiamentos que são os efeitos, como desgastes e lavagens. Após esse processo, a calça retorna à fábrica que irá finalizar a montagem, se ela não tiver bordados ou mais acessórios que outro fornecedor teria de fazer. Dentro do prazo especificado é entregue a marca X que irá levar aos seus estoques e distribuir por suas lojas. A produção de uma calça jeans pode levar até dois meses. A calça jeans beneficiada é uma das vilãs poluidoras e que mais usam água no processo de fabricação. Se você tem interesse pelo assunto procure saber se no processo de fabricação, as lavanderias, possuem medidas na redução do uso da água ou no tratamentos de água, se o tingimento utilizam anilina ou mercurio por exemplo. Ou apenas, opte pelo índigo ou sarja crua, exatamente como fazemos!



Macacão em jeans índigo TA Studios.


Produção em massa ou em escala


Automação, é o melhor exemplo. A indústria de automóveis e alimentos, que utiliza uma tecnologia e equipamentos que substituem muitos humanos. Nem sempre é um único fabricante quem faz os componentes que são levados até a linha de produção para a fabricação de um produto em série. Esperar a demanda solicitar pedidos, o conhecido busca e oferta em alguns setores da indústria pode levar a inflação de uma sociedade. Nem tudo é necessidade humana. Vários questionamentos aqui e que se refere ao modo como consumimos. Você é realmente quem escolhe o que precisa ou não consumir? Não estou falando apenas sobre moda, mas alimentos e remédios, por exemplo. Isso é assunto para outro momento.


Produção contínua


Ela é parecida com a produção em massa, a única diferença é que acontece sem parar com pessoas em vários turnos e se dentro de uma fábrica, um equipamento parar, acabará gerando um grande prejuízo ao fabricante e ao seu entorno. É o caso da produção de energia elétrica e até a sua internet, por exemplo.


Espero que eu tenha trazido luz e agregado ao seu conhecimento. 👍❤


Um muito obrigada


Gisele Caldas de Carvalho é a diretora criativa e fundadora da TA Studios. Desde 2019.

Tem 20 anos na área de moda, experiência na criação de produto, design gráfico e têxtil.





Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page